6 de abril de 2009

cracker pudding


Este domingo tinha que fazer uma sobremesa para levar ao almoço em casa dos compadres, primeiro pensei numa mousse de chocolate mas como não havia chocolate na despensa decidi experimentar esta receita da Manuela, que eu reduzi para metade e mesmo assim ficou uma taça grandinha, para 5-6 pessoas chega. Como tinha recebido à dias uma encomenda dos Açores com os ingredientes originais desta receita, graças à Manuela que se tornou oficialmente a minha fornecedora de produtos americanos, eheheh, fiz a receita com os ingredientes originais que são complicados de arranjar, mas facilmente substituídos por outros idênticos.

A receita que eu fiz é assim:
1 embalagem de pudim instantâneo Jell-o de baunilha (poderá substituir-se por pudim boca doce de baunilha)
125 gramas de bolachinhas crackers de água e sal
200 ml de natas batidas com açúcar a gosto
1 lata de calda de mirtilos, cereja ou morangos (em alternativa doce de morangos com pedaços de morangos)

Prepara-se o pudim de baunilha de acordo com as instruções da embalagem e reserva-se no frigorífico (convém roubar um pouco à quantidade do leite de maneira a ficar mais espesso).
Entretanto, esmaga-se com as mãos as bolachinhas e reserva-se.
Retira-se o pudim do frigorífico e adiciona-se as natas já batidas com o açúcar.
Numa taça ou pirex, coloca-se uma camada de pudim a cobrir o fundo, por cima coloca-se metade das bolachas esmagadas e pressione-as um pouco para baixo, de seguida outra camada de pudim, outra de bolachas e por fim o restante pudim, ficando com 3 camadas de pudim e 2 de bolachas.
Por último coloque a calda de mirtilos, cerejas ou morangos e leva-se ao frigorífico. (Para que a calda não se misture com o pudim, convém levar o pudim ao frigorífico dum dia para o outro e colocar a calda apenas uns instantes antes de servir).

A ideia das bolachas de água e sal não agradou muito ao meu querido mas depois de provar adorou!!! Aliás, todos adoraram e a comadre pediu logo a receita, eheheh!

2 comentários:

  1. Vida ficou lindo o teu cracker pudding e a Manelinha é uma boa fornecedora sim senhora :-D
    Quanto à actifry...eu tenho um bocado a mania das máquinas, mas acho que vale a pena, nunca mais fiz batatas noutro lado e dá para fazer tudo o que se faz frito, ali e com menos gordura , o sabor é bom...mas a comida tradicionalmente feita será sempre melhor que qq máquina :-)

    ResponderEliminar

Muito obrigada pela visita ao Paraíso, retribuirei assim que puder.

Até breve!